REPRESENTAÇÃO PARLAMENTAR DO PTP-MADEIRA

PTP na Suite 605

Coelho na Suite 605 Offshore

Hoje fiz mais uma das minhas Visitas Surpresa ao Laranjal Jardinista

Já acabei de ler o livro Suite 605 do João Pedro Martins, segui as instruções e fui até lá bater à porta para saber quais as condições para colocar a minha empresa de pintura e construção offshore…
“Não prestamos declarações à imprensa…” foi a resposta seca da senhora bem vestida que abriu a porta. Respondi: “Mas eu sou um cidadão comum e quero saber como abrem empresas aqui na Suite 605?” e fechou-me a porta no nariz do Coelho… Pronto fiquei de fora das 1001 Empresas que ocupam a suite no 6º andar do Edificio Infante no Funchal.

 

Vejam o artigo no DIARIO DO FUNCHAL

Trabalhistas exigem justiça fiscal à porta da suite 605

Candidatura do PTP já leu o livro sobre a investigação à Zona Franca da Madeira e acusa o director dos Assuntos Fiscais de ter promovido a evasão fiscal na Madeira

José Manuel Coelho esteve esta manhã à porta da suite 605, na Avenida Arriaga n.º 77, sede da ‘Madeira Corporate Service’ (MCS), uma das principais empresas de management na Região, inscrita desde 1995 no Centro Internacional de Negócios da Madeira (CINM), para exigir igualdade na execução da justiça fiscal.

A candidatura do PTP às eleições regionais já leu o livro ‘Suite 605’, da autoria de João Pedro Martins, lançado no último sábado como sendo “a maior investigação realizada sobre a Zona Franca da Madeira”. Candidatos e jornalistas subiram até ao 6.º andar do Edifício Infante para constatar o espaço “com 100 m2” , conforme descreve o livro, onde cabem “mais de 1000 empresas”, segundo os trabalhistas. Mas ninguém foi autorizado a entrar e a porta foi mesmo fechada por uma funcionária.

“Nesta terra só quem paga os impostos são os pequenos empresários e os pequenos proprietários, que são espremidos e perseguidos até à exaustão pelas Finanças reaccionárias, comandadas pelo pirata-mor”. José Manuel Coelho proferiu um discurso crespado contra o actual director regional dos Assuntos Fiscais, acusando João Machado de ter sido o principal ‘arquitecto’ da evasão fiscal em benefício dos “tubarões desta terra”.

“O Machado está no posto em que está para mandar para aqui as empresas do regime, para não fiscalizá-las”, afirmou o cabeça de lista do PTP, à porta da MCS. “Esses senhores nesta empresa estão a fazer muito mal à Madeira e ao país”, concluiu.

Coelho acusa as empresas multinacionais inscritas no CINM de, através de uma “contabilidade criativa”, estarem a desviar as grandes empresas da Região e a defraudar as finanças do país. “São autênticos assassinos económicos, são parasitas da nossa economia e têm de ser alvo do nosso combate”, afirmou, pedindo o voto dos trabalhadores madeirenses “contra esta canalha”.

A solução está, segundo o PTP, em “mudar de agulha”. “Por isso têm de votar sem hesitações contra o regime corrupto, apoiado pelos tribunais fascistas do regime jardinista e votar no partilho Trabalhista que é o primeiro da lista, que é para termos uma justiça fiscal”.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: